TOUR 17/18

BELA PRIMAVERA

SOBRE ITFREN

Dono de timbre inconfundível, o brasileiro Thiago Arancam é destaque entre os maiores tenores da atualidade. Com um perfil jovem, que foge do estereótipo, o artista apresenta um currículo notável, acumulando passagens em mais de 40 países e contabilizando em apenas oito anos mais de 500 apresentações ao redor do mundo. No Brasil, em 2011, subiu ao palco do Theatro Municipal do Rio de Janeiro com montagem da ópera "Tosca", de Puccini, na qual viveu o papel do pintor Mario Cavaradossi, amante de Flória Tosca e em 2014 no Teatro Municipal de São Paulo na Ópera Carmen de Bizet. Diplomado em Canto Lírico pela Academia de Canto do Teatro Alla Scala em 2007, de Milão, e Bacharel em canto erudito pela "Faculdade de Música Carlos Gomes" de São Paulo, ele começou seus estudos no Brasil na "Escola Municipal de Música" de São Paulo.

Carismático, Thiago Arancam é apadrinhado pelo célebre tenor Plácido Domingo com o qual realizou inúmeras produções, destacando a gravação da "Cyrano de Bergerac" na São Francisco Opera (USA), "Madama Butterfly" em Washington e "Carmen" na Los Angeles Opera, regidas por Plácido Domingo.

Entre suas apresentações destacam-se teatros como Lá Scala (Milão), Opera de Roma (Itália), Opera Nacional de Washington (EUA), Opera Estadual de Vienna (Áustria), Deustche Opera de Berlim (Alemanha), Bolshoi (Moscou), além de inúmeras produções no Japão, Emirados Árabes, Malásia, Canadá, Espanha, França, Polônia, Letônia, Mônaco, Reino Unido, entre outros.

Seguindo sua trajetória de sucesso, trabalhou com grandes regentes de orquestra, entre eles: Daniel Harding em vários concertos com a Swedish Radio Symphony Orchestra; Christian Thielemann em "Dresden" na Manon Lescaut, Pier Giorgio Morandi na ópera "Tosca" em Las Palmas e Estocolmo; o brasileiro Silvio Barbato com a Orquestra Camerata Brasil em Brasília, João Carlos Martins, Plácido Domingo, Julius Rudel, Lorin Maazel, Nicola Luisotti, Patrik Fournellier, Renato Palumbo, Corrado Rovaris, entre outros.

Projetando o nome do Brasil no exterior, Thiago Arancam possui uma carreira consolidada e revela a cada dia porque é considerado um dos grandes expoentes do cenário operístico, figurando entre os maiores e melhores nomes da música lírica de todo o mundo.

PRÊMIOS:

- "Prêmio Revelação" do "V Concurso Internacional de Canto Erudito Bidu Sayão" e "Bolsa de Estudos VITAE" em 2004, que garantiu o acesso a conceituada "Academia de Canto Lírico do Teatro Alla Scala" de Milão, sob direção da famosa soprano Leyla Gencer, tornando-se o primeiro brasileiro a ingressar nesta Academia.

- "Premio Alto Adige - Talento Emergente della Lirica 2007/2008", Melhor Voz Lírica Emergente, pela Associação Amigos da Lirica L'Obiettivo de Bolzano.

- Três prêmios no Concurso Lírico Internacional Operalia 2008, organizado por Plácido Domingo: Prêmio Zarzuela, Prêmio do Público e Segundo Prêmio Ópera.

Na ópera, Thiago Arancam já interpretou 17 papéis principais diferentes: Roberto (Le Villi), Cavaradossi (Tosca), Maurizio (Adriana Lecouvreur), Radames (Aida), Pinkerton (Madama Butterfly), Ismaele (Nabucco), Turiddu (Cavalleria Rusticana), Luigi (Il Tabarro), Pollione (Norma), Cristiano.





TOUR 17/18

Em um intervalo dos teatros da Europa e Estados Unidos, Arancam mergulhou no novo projeto da carreira para mostrar ao público brasileiro porque o velho mundo lhe acolheu. O disco “BELA PRIMAVERA”, gravado na República Tcheca, Itália e também no Brasil, possui nove canções, cinco inéditas e quatro regravações, entre elas "Hallelujah", de Leonard Cohen e "Strani Amori", de Angelo Valsiglio, Roberto Buti, Cheope, Marco Marati e Francesco Tanini. Outra regravação é "Céu de Santo Amaro", de Flávio Venturini, com participação de Paula Fernandes e da Orquestra Filarmônica de Praga.

Na lista das inéditas “En Algún Lugar”, de Jesse Harris, compositor do grande sucesso “Don’t Know Why” e Rosario Ortega; “Magico Amore”, de Eddie Oliva; e “Delirio”, do próprio Arancam, em parceira com Maycon Ananias e Jorge Zarath.

Além das canções do novo disco, que traz as influências do mundo lírico e aproxima Thiago Arancam da música popular brasileira, serão apresentados os clássicos da ópera “Nessun Dorma” e “Il Mondo”. O repertório traz canções em Italiano, Espanhol e Inglês, além da inédita “Bela Primavera”, que dá nome ao CD e grandes sucessos como “Viva La Vida”, do Coldplay; “Pride”, do U2; “Crazy”, de Seal e “Who Wants to Live Forever”, do Queen.

Irma Vidal e VJ Gabiru dividem a criação cenográfica e a direção artística do espetáculo, que possui estéticas barroca, clássica e neoclássica, a partir da arte e arquitetura, aplicadas a um contexto de arte e tecnologia, onde luz e imagem em cenários efêmeros e em movimento dialogam com a música.

Menino dos olhos de Plácido Domingo, primeiro brasileiro a ingressar na conceituada Academia de Canto Lírico do Teatro Scalla, de Milão, Thiago Arancam quer reencontrar suas raízes e mostrar a força e a emoção da sua voz - conhecida em mais de 40 países – ao público brasileiro.

Assinando o álbum e o show, Maycon Ananias na produção musical e a NovoPalco, do empresário Rodolpho Tourinho na produção executiva.






Agenda

NOVEMBRO

  • 25 DE NOVEMBRO – Brisbane – AUS (Ópera Carmen de Bizet)

DEZEMBRO

  • 09 DE DEZEMBRO – Curitiba – PR (Turne Bela Primavera)
  • 12 DE DEZEMBRO – São Paulo – SP (Corporativo)

MAIO 2018

  • 12 DE MAIO – Quebec – CAN (Ópera Carmen de Bizet)
  • 15 DE MAIO – Quebec – CAN (Ópera Carmen de Bizet)
  • 17 DE MAIO – Quebec – CAN (Ópera Carmen de Bizet)
  • 19 DE MAIO – Quebec – CAN (Ópera Carmen de Bizet)

MÚSICAS

ÁLBUM: BELA PRIMAVERA

DISPONÍVEL EM TODAS AS PLATAFORMAS DIGITAIS




GALERIA

FOTOS


01
02
03
04
05
06
07
08
09
15
11
12
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30



MÍDIAS

INSTAGRAM



YOUTUBE




CONTATO PARA SHOWS




EMAIL:
arancam@novopalco.com.br

+55 (71) 3271-4676 | +55 (11) 3568-2432

Whatsapp: +55 (11) 98918-9469


CONTRATANTES